quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Relato de uma professora de matemática

matematica , professora   , aluna   , ensino   , marcar   , carro   , gerente
Pode ser duro, mas... temos que aceitar a realidade do cotidiano.





E agora? Como será em 2010?

Semana passada comprei um produto que custou R$ 1,58. Dei à balconista
R$ 2,00 e peguei na minha bolsa 8 centavos, para evitar receber ainda
mais moedas. A balconista pegou o dinheiro e ficou olhando para a
máquina registradora, aparentemente sem saber o que fazer. Tentei
explicar que ela tinha que me
dar R$ 0,50 centavos de troco, mas ela não se convenceu e chamou o
gerente para ajudá-la. Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente
tentava explicar e ela aparentemente continuava sem entender.

Por que estou contando isso?
Porque me dei conta da evolução do ensino de matemática desde 1950,
que foi assim:

1. Ensino de matemática em 1950:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de venda .
Qual é o lucro?

2. Ensino de matemática em 1970:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de
venda ou R$ 80,00.
Qual é o lucro?

3. Ensino de matemática em 1980:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00.
Qual é o lucro?

4. Ensino de matemática em 1990:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00.
Escolha a resposta certa, que indica o lucro:
( )R$ 20,00 ( )R$ 40,00 ( )R$ 60,00 ( )R$ 80,00 ( )R$ 100,00

5.. Ensino de matemática em 2000:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00.
O lucro é de R$ 20,00.
Está certo?
( )SIM ( )NÃO

6. Ensino de matemática em 2008:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Se você souber ler coloque um X no R$ 20,00.
( )R$ 20,00 ( )R$ 40,00 ( )R$ 60,00 ( )R$ 80,00 ( )R$ 100,00

5 comentários:

Emanuel disse...

Amei.kkk!Coitadinha da moça...que dificuldade!

Caldas disse...

Adorei o seu post,alias andei lendo alguns seus eu sempre acho engraçado!! =)

Esse do relato é algo que humor esta no fato de ser a pura verdade!

=)

Dany disse...

Nossa.....f* mesmo....
Eu nunca fui muito boa com matemática devido a professoras carrascas em meu processo de formação, mas isso acontece com bastante frequencia comigo também!

Ná! disse...

E a tendência é piorar cada vez mais.


P.S.: Adori o blog.

pat disse...

Oh, que triste....
Meu primário foi na década de setenta, o ginásio na de oitenta,
e ainda hoje reclamo do quanto melhor gostaria de ter aprendido.
Sua história é engraçada, mas o triste é que tudo isso é verdade.