terça-feira, 9 de junho de 2015

O mistério do quarto 311

 
 
Aconteceu no Hospital D. Pedro, em Aveiro (fato verídico).

Durante alguns meses, acreditou-se que o quarto 311 tinha uma maldição.
 
Todas as sextas-feiras, de manhã, os enfermeiros descobriam um paciente morto, neste quarto, da unidade de cuidados intensivos. 

Claro que os pacientes tinham sido alvo de tratamentos de risco, mas  já não se encontravam em perigo de morte. 

A
 equipe médica, perplexa, pensou que existisse alguma contaminação bacteriológica no ar do quarto. Alertadas pelos familiares das vítimas, as autoridades abriram um inquérito.

Os doentes do 311 continuaram, no entanto, a morrer em um ritmo semanal e sempre às sextas-feiras.
 
Por fim, foi colocada uma câmera no quarto, e o mistério resolveu-se:
 
'Todas as sextas-feiras, de manhã, lá pelas 6 horas, a mulher da limpeza desligava os aparelhos do doente, para ligar o aspirador de pó !!!'

'O cérebro é uma coisa maravilhosa! Todos deveriam ter um!'

Nenhum comentário: